Quinta-feira, 14 de Agosto de 2008

BOOM FESTIVAL IDANHA-A-NOVA NA BARRAGEM MARCHAL CARMONA

 

BOOM FESTIVAL 2008

 

 

O Revoltas teve a oportunidade de poder visitar o recinto de festas do BOOM Festival em Idanha-A-Nova.

 

A impressão que fica é a melhor um festival com conceitos próprios, um festival que não foi rendido a patrocinadores mas sim á arte e artistas de mais de 100 nacionalidades que se encontram presentes o slogan do festival BOOM é "O Boom é um festival bienal de cultura independente e expressão artística. Realiza-se desde 1997 em Portugal durante a Lua cheia de Agosto.

A sua extensa programação inclui artes performativas, música, multimédia, pintura, bioconstrução, teatro, cinema, conferências, workshops, instalações, etc. - é todo um conjunto de actividades que fazem deste um evento multidisciplinar singular.

A par da riqueza da oferta artística, o Boom distingue-se por ser um dos festivais mais interculturais do mundo. Às suas edições acorrem pessoas de todo o planeta – em 2006 estiveram presentes 20.000 pessoas de 80 nacionalidades diferentes – que convivem e trocam experiências num ambiente extremamente intercultural.

Paralelamente, o Boom desenvolve projectos na área da sustentabilidade, ao nível da energia, do tratamento de resíduos e da água. Assumindo a importância do entretenimento para dar novas soluções aos problemas das sociedades actuais - nomeadamente ao nível do ambiente - o Boom desenvolveu uma parceira com o Ecocentro IPEC, do Brasil (instituto que tem convénios com a ONU ou o Banco do Brasil). O resultado é a utilização de tecnologias para saneamento e energia pioneiros a nível mundial.

O Boom é um festival único no mundo. A par da consciência ecológica, é um espaço de criação artística e de vivência intercultural norteadas por uma ética independente. No Boom festeja-se uma forma de entretenimento para as pessoas e não para corporações, celebra-se a liberdade e a natureza, festeja-se a arte."

LINK PORTUGUES.

 www.boomfestival.org/boom2008/index_pt.php

 

 

A vila de Idanha-A-Nova ficou muito pequena para receber tanta gente segundo informações não oficiais estima-se que estejam presentes pelo concelho de Idanha cerca de 50 mil pessoas que se encontram de bem com a  natureza a arte e a musica.

No recinto do evento nada é deixado ao acaso desde a higiene do local os estacionamentos aos acampamentos e até aos hospital de campanha montado pelos Bombeiros de Idanha-A-Nova no local com viaturas e homens a postos tanto no ambito terrestre como na barragem com meios de socorro nauticos tudo montado no local

 

É de referir a importância deste evento economicamente para o concelho de Idanha-A-Nova e os concelhos em redor como o caso de Penamacor e Castelo Branco uma vez que se torna impossível por vezes obter alguns produtos alimentares e dinheiro no multibanco  na Idanha recorrendo os participantes do evento aos concelhos vizinhos.

 

O Revoltas dá os parabéns aos responsáveis pela vila de Idanha-A-Nova pelo festival e pelo evento que dá nome á Região pelo Mundo inteiro e ao mesmo tempo se torna no evento que mais fonte de rendimento e mais gente traz á Raia.

 

 

LINK INGLES

www.boomfestival.org/boom2008/news.php 

 

 

 

 

 

 

 

sinto-me: A RAIA CONHECIDA NO MUNDO
música: BOOM FESTIVAL
publicado por Cruz às 13:42
link do post | comentar | favorito
|

.pesquisar

 

.Janeiro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Penamacor identifica os s...

. Serviços Públicos em Pena...

. Para conhecimento público...

. Ocupa-te..........Penamac...

. Vamos opinar..........e q...

. Penamacor segue pelo rumo...

. Autarquias que integram o...

. Petição Centro Saúde Pena...

. "Perigo" Pede-se prudênci...

. "Artista" Pedro Domingues...

.mais sobre mim

.links

.Visitantes do Revoltas

já visitaram

.tags

. todas as tags

.radio comercial

blogs SAPO

.subscrever feeds